Geralmente há uma diferença óbvia entre fotos e ilustrações. O que pode não ser tão óbvio é saber quando é melhor usar uma fotografia ou uma ilustração em um respectivo projeto. A seguir, forneceremos uma base sólida de quando e porque de cada formato visual.

Untitled-1

Fotografias são mais fundamentadas na realidade do que as ilustrações. Para retratar algo de forma literal, as stock fotos são uma opção clara, especialmente se você estiver vendendo um produto físico específico como comida ou roupas. Corporações de grande porte geralmente escolhem fotos para evitar parecerem surreais ou provocativas. Nos setores nos quais a competência e o profissionalismos são essenciais – como em viagens aéreas, segurança corporativa ou extração de petróleo – é mais provável ver fotos no trabalho.

Isso não implica que as fotos sejam a única boa maneira de detalhar a descrição visual. Muitos fotógrafos são deliberadamente irreais, por meio da composição criativa, ilusão ótica e manipulação digital. Mas isso tira proveito da ambiguidade da arte pura e é melhor usada para expressar um tema ou uma ideia abstrata, não um produto específico. Por exemplo, a imagem acima contém elementos de fotografia, mas seu estilo “foto-ilustração” obviamente funciona melhor do que uma metáfora (a menos que sua empresa venda poltronas navegáveis).

Isso é um atributo da fotografia no qual as ilustrações encontram poder. Ilustrações podem ignorar livremente a realidade para expressar temas e conceitos e envolver a imaginação de formas divertidas, estranhas e até mesmo impossíveis. Por exemplo, o conteúdo da ilustração abaixo é difícil, mas não impossível, de ser atingido em uma fotografia pura.

Untitled-2

As ilustrações vêm em incontáveis estilos e formas que podem ser usadas para seu proveito. Vamos supor, por exemplo, que você precise da imagem de um urso. Dê uma olhada nesta coleção de ilustrações de ursos. De angélicos a agressivos, essa variedade de estilos que beira ao infinito de ilustrações ajudam você a encontrar a imagem apropriada para suas necessidades estratégicas específicas. Esta é outra forma de navegar para a questão mais ampla de foto vs. ilustração; use sua estratégia de marketing em geral como a base da sua decisão, e não seu gosto pessoal. O que você pode gostar provavelmente pode estar errado para as metas maiores do seu projeto.

Untitled-3

Portanto, se tiver dúvida, faça a você mesmo as seguintes perguntas:

  • Você está vendendo um produto específico? Use uma foto para exibi-lo claramente.
  • Você está vendendo algo menos tangível? Experimente uma ilustração para capturar o tema.
  • Qual é a faixa de idade do seu público-alvo? Pessoas mais jovens podem ser mais receptivas a uma excentricidade dissimulada de uma ilustração divertida, enquanto pessoas mais velhas podem preferir uma sensação de confiança de uma foto sensível.
  • Sua empresa é menos favorecida em comparação a outros líderes de mercado que usam o mesmo tipo de fotos? Experimente um estilo ilustrado para agitar as coisas e diferenciá-lo.
  • Você é uma empresa grande que não pode se arriscar? As fotos podem ser melhores.

Obviamente, esta não é uma ciência exata e algumas vezes vale à pena se arriscar e desafiar os padrões. Apenas certifique-se de que, quer você tenha usado uma foto ou uma ilustração, você fez o melhor para entender como seu público-alvo poderá reagir. Isso pode realmente aumentar as chances de que seu projeto atinja o patamar necessário.

Foto de destaque: illustration sketch vintage retro photo camera
Gostou? Compartilhe!

Comentários fechados