Discutir qual software é melhor é como discutir religião ou política: não leva a lugar nenhum. Mas vamos apresentar os fatos aqui e deixar você decidir.

Preço

Atualmente, o Corel Draw Graphics Suite X5 (versão mais atual) custa R$ 1.399 a versão completa, e R$ 599 a versão de atualização (caso você tenha uma versão anterior original do produto). No entanto, está incluso nesse preço o Corel Paint (similar ao Adobe Photoshop). Vale lembrar que este é o preço para quem compra na loja oficial da Corel – uma versão original mas comprada na Amazon americana, custa US$ 484 (R$ 873).

Já o Adobe Illustrator na versão CS5 está por US$ 729 (aproximadamente R$ 1.315) ou US$ 243 (R$ 438) a versão de atualização.

Atualmente, não há uma diferenciação muito grande de preço, no entanto as versões mais antigas de ambos os softwares tinham preços bem comparáveis. O Corel Draw X3 chega a custar US$ 149 (R$ 268) na Amazon – muito menos que a versão anterior do Illustrator (CS4) que atualmente custa US$ 580 (R$ 1.046), quase 4x mais caro.

Padrão industrial

Na verdade, não há. Lá fora, a maioria das gráficas trabalham com Illustrator. Aqui, existem muitas que só aceitam arquivos em formato CDR (Corel DRAW) justamente por causa do preço mais acessível do software. Já fui em gráficas com arquivos em AI (formato do Illustrator) apenas para ser avisado que eles não abrem esse tipo de arquivo. No entanto, em 90% dos casos, a gráfica aceita um PDF pra impressão: formato para o qual ambos os programas exportam. Claro que se for necessário fazer alguma alteração do arquivo pouco antes da impressão, o formato PDF pode atrapalhar. Então, no Brasil, Corel ganha essa.

Aprendizagem / Facilidade de uso

O Corel é um programa simples e intuitivo de usar. Mas o benefício pode se tornar um problema. Devido a sua simplicidade, ele não possui muitos dos efeitos que o Illustrator fornece, e que faz dele muito mais poderoso. Se o objetivo é fazer uma arte simples, o Corel quebra o galho. Mas para qualquer coisa mais complexa, embora aprender a usá-lo é uma tarefa mais árdua (mas longe de impossível), o ideal é o produto da Adobe.

Peculiaridade de software

Aqui, as opiniões divergem. Muitos reclamam que o Illustrator é pesado demais e portanto trava com maior frequência, e outros reclamam que é o Corel que, apesar de leve, trava muito mais.

Já uma coisa é certa: não existe versão de Corel Draw para sistemas operacionais Mac. Isto é um sério problema que a Corel ainda não remediou, tendo em vista que a Apple é o queridinho dos designers (e não por falta de mérito). Usuários Mac que precisam rodar o Corel Draw precisam recorrer muitas vezes a um computador com Windows, instalar um emulador ou o próprio Boot Camp para rodar uma versão mais leve do Windows afim de poder abrir um CDR.

Compatibilidade

Na versão CS4, pegar um arquivo Illustrator e abrir no Photoshop se tornou muito mais fácil – afinal de contas, o Photoshop tem uma preferência maior do que o simplório Corel Painter. Por outro lado, um arquivo AI é muito mais difícil de converter para um PDF, por exemplo, do que um arquivo CDR – especialmente se você não possui um dos softwares instalados. Alguns sites ainda convertem CDR para um outro formato sem perder quase nada da qualidade – o mesmo não vale para arquivos salvos no Illustrator.

Novamente, o Illustrator consegue exportar bem pra uma “pós-produção” no Photoshop e vice-versa. Tarefa quase impossível se o objetivo é pegar seu arquivo CDR e tentar alterar ele no Photoshop.

Preferência

É inegável que os amantes de Illustrator são em maior número. Qualquer designer que trabalhe com vetoriais prefere o produto da Adobe ao da Corel, e os motivos variam: maior opção de efeitos, trava menos, roda em Mac tanto quanto em Windows, os funcionários da Adobe lançam novidades muito melhores com cada nova versão, etc. Já iniciantes, preferem logicamente o Draw por sua facilidade de uso, leveza e preço baixo.

E você? Prefere Illustrator ou Corel?

Gostou? Compartilhe!

Comentários fechados