O tempo é, como toda certeza, um dos maiores fatores limitadores da criatividade de qualquer designer. Mas enfim, como trabalhar com prazos apertados?

A criatividade não é nenhuma mágica que vem a hora que queremos e nos permite criar uma coisa incrível, inovadora e funcional. A criatividade é o fruto de muito estudo, muito tempo trabalhando em cima de um projeto e total assimilação de diversos aspectos cognitivos da forma (ou seja, compreender perfeitamente como as formas se comportam agiliza o processo de criação de novos elementos compositivos). Podemos dizer então, que o nível de criatividade de um trabalho é proporcional ao tempo que temos disponível para trabalhar nele (lembrando sempre que as regras do Design são sempre passíveis de serem quebradas).

Felizmente, algumas simples práticas podem agilizar bastante o processo de criação, ou pelo menos diminuir o tempo de procrastinação.

Organização é fundamental

Organização não se refere apenas a sua mesa, mas também os seus arquivos e até mesmo sua cabeça. Trabalhar em um ambiente organizado pode evitar a perda de várias horas de trabalho perdidas em busca de arquivos, imagens, etc. Além de que um ambiente organizado facilita o processo de desenvolvimento das ideias.

Organização não quer dizer que sua mesa não deve ter nada além do lápis, papel e a tela do computador. Cada pessoa tem um padrão de organização, algumas gostam de ter livros perto do ambiente de trabalho, para agilizar pequenas consultas, outros gostam de ter várias imagens de referencias para se inspirar, e claro, muitos preferem um ambiente com o mínimo de coisas, para nada interferir na hora de criar.

Tão importante quanto à mesa e os arquivos e ter os pensamentos organizados. Para isso não existe nenhuma formula mágica, cada pessoa tem uma maneira individual de organizar seus pensamentos. O que importa é você saber que quando esta trabalhando deve focar no trabalho, e tentar deixar os demais problemas de lado, uma vez que qualquer distração é capaz de dispersar a criatividade.

Automatize

Actions, agendas eletrônicas, etc.: tudo o que pode ser automatizado, deve ser. Algumas etapas de desenvolvimento de projetos nunca mudam, são processos quase mecânicos, então talvez seja hora de criar uma action que substitua seu trabalho, fazendo a mesma coisa em bem menos tempo.

Agendas eletrônicas ajudam bastante também. Eu uso o Wunderlist como lista de tarefas, o que me economia o tempo de ficar anotando tudo e tendo que carregar uma agenda sempre comigo. O programa é sincronizado com meu email e me avisa sempre que tenho alguma tarefa por cumprir ou quando atrasei alguma coisa.

Se dê um tempo

Acredite, pode parecer que dar uma pausa é uma perda de tempo desnecessária, afinal, o cliente esta pressionando pela entrega do projeto, e você ainda não tem definido o que vai fazer, por que fazer uma pausa e atrasar ainda mais?

Eu mesmo tenho esse problema, depois que começo um trabalho não costumo parar no meio para pausas, mas venho tentando corrigir esse meu erro, pois percebi que a cada pequena pausa que você dá no trabalho (qualquer 10 minutos para um café já ajuda), faz com que as ideias fiquem mais claras e o projeto volte a fluir.

Vale lembrar que na hora da pausa o bom é ficar de pé, alongar o corpo (lembre-se de que você tem músculos, articulações, etc. e ficar doente não faz parte dos planos de ninguém), tomar uma água ou um café (sempre se lembrando de hidratar o corpo), enfim, sair da frente do computador ou da folha de papel. Isso ajuda muito, e o tempo que você gasta na pausa é compensado quando você volta a trabalhar.

Você trabalha muito com prazos apertados? O que você faz para trabalhar melhor? Comente!

Gostou? Compartilhe!

Comentários fechados