Existe um artigo mais atual. Por favor acesse este novo artigo: http://design.blog.br/freelance/quanto-um-freelancer-deve-cobrar.

Gostou? Compartilhe!

Participe da discussão!


36 Responses to “Trabalho Freelance: Quanto cobrar?”

  1. Muito bom mesmo.

    Nunca tinha pensado dessa forma!
    É a forma mais lógica de estabelecer um padrão de preço!

    • Isabela Mattos disse:

      Difícil mesmo saber quanto cobrar do cliente.
      Eu sempre analiso caso a caso e negocio com uma margem, pois o cliente na maioria das vezes exige mais do que ele realmente está pedindo.
      Eu to usando o site http://www.comunicageral.com.br para arrumas jbos,

      Beijos
      Isabela

  2. Fala Canha.
    Vou colocar um link desse seu blog la no meu.
    Curti esse lance do calculo.
    abraços

  3. Canha disse:

    @Oswaldo
    Obrigado pelo apoio. E sucesso no seu blog (ao qual sou leitor assíduo)! :)

  4. Eu disse:

    Eow gostei, é uma boa ideia, da uma boa noção do quanto cobrar!

    quanto a porcentagem 50% de 4,16 é 2,08, pelo que entendi nos calculos, tu quis dizer 10% de lucro que da 0,416

    como ta:
    Você vai trabalhar por R$ 4,16 a hora e vai lucrar 50% (+ R$ 0,41/h)

    como entendi pelo calculo que seria
    Você vai trabalhar por R$ 4,16 a hora e vai lucrar 10% (+ R$ 0,41/h)

    espero ter ajudado, abraços …

  5. Riggs disse:

    Muito boa matéria.
    Nunca tinha pensado nisso.
    Muito boa matéria msm.
    Abraços.

  6. Canha disse:

    Obrigado Riggs.
    E Eu, obrigado por notar o erro. Já foi corrigido.

    Abraços.

  7. Renato disse:

    Olá, eu costumo utilizar um site que facilita isso pra mim: http://www.freela.com.br

  8. Alexandre disse:

    Bom dia!

    Muito boa maneira de definir um critério para estabelecer um preço honesto.

    Agora, existem outros parâmetros, como cobrar uma porcentagem sobre o total do projeto (5%, por exemplo). O que você acha?

    Outra coisa, existe algo tb interessante q é vc instaurar um percentual mensal sobre os lucros do cliente, de maneira q vc passa a receber pelo reflexo do seu trabalho sobre o negócio realizado. Que tal?

    Abraços,
    Ale

  9. Wesley disse:

    Cara show de bola esse artigo heim, o que eu costumo dizer para os meus clientes quando eles acham o preço um pouco caro eu digo o seguinte; tem muito gente ai fora fazendo sites a torto e a direita sem experiência nenhuma e cobrando valores muito pequenos mais com uma qualidade muito baixa, as vezes o barato pode sair muito caro, muitas vezes mais caro do que se imaginava, na maioria das vezes funciona, eu sempre coloco isso na hora de fechar um contrato, e ainda mais, falo que se eles quiserem indicações de pessoas que fazem sites barato posso indicar uma lista enorme de pessoas que fazem, dai vai do gosto deles, ou eles pagam um valor razoavél e ficam sem dor de cabeça ou pagam barato e depois acabam gastando além do que foi planejado.

  10. […] acordo. É complicado chegar a um preço bom, mas já escrevi dois artigos sobre isso aqui: “Quanto cobrar” e “Cobrar por hora ou cobrar valor fixo?“. Leituras […]

  11. […] acordo. É complicado chegar a um preço bom, mas já escrevi dois artigos sobre isso aqui: “Quanto cobrar” e “Cobrar por hora ou cobrar valor fixo?“. Leituras […]

  12. […] bem que existem várias técnicas excelentes para se cobrar por um trabalho. Conheço vários amigos que cobram pela cara do cliente, outros […]

  13. […] Quanto um designer ganha? Ah, a pergunta que vale ouro. Essa e “quanto custa um site”. Um designer pode ganhar migalhas ou pode ganhar milhões. Depende muito. E esse “depende” inclui vários fatores: onde ele trabalha, em que cidade ele trabalha, como é o cenário do design na cidade dele, quão bom ele é, se é estágiário ou já é formado, etc. Artigo no Digital Paper: Freelancer, quanto cobrar? […]

  14. Alysson Campos disse:

    olá pessoal, fazendo uma pesquisa no google achei este site falando sobre quanto cobrar.

    Bacana o texto, só que infelizmente, isso não funciona, bom, funciona para o freelance, mas não para o cliente, porque existe muito e mutio picareta na praça hoje, está igual pirataria de cd, não tem como acabar, este sistema de cobrança acima só vai funcionar para o freela que ja etá com seu cliente a vários anos, mas se for para pegar um cliente novo fica complicado.

    Vou dar um exemplo:
    Semana passada fiz contato com 4 clientes, deste fechei só com 1, os outros 3 queria mao de obra barata, não por não respeitar otrabalho que será feito, mas poruqe ja tinha em maos orçamentos de picaretas cobrando até 300 reais para fazer o site, estes conclui o site em 2 dias, ai você ja viu ne, sai uma merda.

    Abraço a todos
    E que os picaretas leiam a materia acima.

  15. André Porto disse:

    Muito bom essa lógica gostei.

  16. […] mínimo curiosas e interessantes. Por exemplo: você sabe quanto cobrar num trabalho? Se não, leia esse link. Tem tido muitos problemas com “clientes opinativos demais”? leia esse outro link. […]

  17. Hélio Costa disse:

    Fiz uma proposta de planilha para saber quanto cobrar por um site ou qualquer projeto, veja: http://www.heliocosta.com.br/blog/quanto-cobrar-pelo-site/

  18. Jogos Gratis disse:

    sucesso a voces.. to sempre por aqui!

  19. […] Essa é a pergunta mais difícil de responder, e muitas vezes não depende do quão bom ele é. O seja, depende: depende da empresa onde ele trabalha, da cidade onde reside, do estado, o cenário da profissão na área dele, se é estagiário, formado, freelancer, etc. Do mesmo jeito que um médico pode ganhar muito, também pode ganhar pouco. Em Curitiba – PR há um mercado bem saturado de designers; em cada esquina é possível encontrar um escritório de design ou uma gráfica. Encontrar um estágio como estudante é fácil, o problema surge depois que você se forma. Já no norte (em Pernambuco por exemplo) é dificíl encontrar designers, porém o mercado requer poucos pois a população e as empresas ainda não enxergam o propósito de se ter um designer. Para saber quanto um designer ganha em sua região, o melhor seria encontrar um profissional que possa te dizer como o cenário atual dali está. Artigo relacionado no Digital Paper: Freelancer, quanto cobrar? […]

  20. eu vou cobra assima do preço porque eu faço direito o meu serviço e tenho q gano o q eu mereço.

  21. Canha disse:

    Márcia,
    Se freelancing não funcionar, você pode ser rapper…ou funkeira.
    Prêmio jóinha pra você.
    Abraços.

  22. marcelo disse:

    Site freelancer para encontrar oportunidades
    http://redefreela.com

  23. […] Trabalho Freelance: Quanto cobrar? Por Canha. Cobre muito caro e perca a oportunidade. Cobre muito pouco e você pode acabar se arrependendo e isso pode culminar em um resultado inferior. […]

  24. Martin disse:

    I consider that beside Your site there is future!t

  25. […] dos primeiros artigos que escrevi no Digital Paper (a dois anos atrás) foi “Trabalho Freelance: Quanto cobrar?“. Estava na hora de atualizar ele e colocar mais algumas informações para responder a pergunta […]

  26. Petito disse:

    Valeu por dar uma luz, estava completamente desorientado, essa matperia veio esclarecer muita cosia.
    Valeu !!

  27. andre mendes disse:

    Essa matéria me ajudou e muito em relação de passar um preço para um determinado cliente. Bem sobre os picaretas da área, fico ainda com a parte de recusar o trabalho para que possa entender que um trabalho com estudo e bem feito vai dar destaque a empresa dele e um ótimo crescimento. Estou atendendo diversos clientes usando essa “fórmula” e tem dando efeito e surgido outros novos. Valeu Canha!!

  28. SEOmeu disse:

    Gostei da matéria pois se trata de uma técnica que pode ser usada para qualquer serviço de freelancer. sejam de webdesign, marketing, SEO…

  29. João P. Nunes disse:

    Gostei bastante da análise, revelando um profissionalismo.
    A paginação deste site está muito boa.
    Gostaria que entrasse em contacto comigo, através do mail, para podermos falar um pouco sobre “trabalho”.
    Estou em Lisboa (portugal), e tenho algum interesse em saber se faz freelance de WebDesign para Portugal.
    Os meus Cumprimentos

  30. […] Desde que comecei a me aventurar com freelas, uso esse raciocínio para calcular valores: link […]

  31. chis disse:

    adorei!!!!!!!

  32. Luis disse:

    Realmente quanto cobrar e´ uma excelente pergunta. Uma ideia e´ ver quanto os americanos cobram nos sites de freelance deles.

  33. Du Moreno disse:

    eu tenho um valor já calculado.
    Criação de blog: R$ 3.500,00
    Site simples ( 5 páginas ) R$ 1.600,00
    Site com até (20 páginas ) R$ 4.500,00
    Site com sistema de gerenciamento: R$ 15.000,00

    Sempre cobrei esses valores e até hoje não tive dores de cabeça.

  34. Idelton campos disse:

    Ola sou Cartazista e quero trabalhar por conta, gostaria de saber quanto posso cobrar pelo meu trabalho! se é por letra e o valor ou se é por cartaz confeccionado?
    Obrigado

Deixe uma resposta